11º LEFFEST: Lou Reed, John Zorn, Barbara Hannigan ou Paul Bowles entre os destaques

  •  
  • 0

O festival de cinema decorre de 17 a 26 de Novembro entre Lisboa e Sintra.

O 11º LEFFEST (Lisbon & Sintra Film Festival) decorre de 17 a 26 de Novembro e prepara-se mais uma vez para reunir o que de melhor se faz no universo do cinema. O festival aposta na interligação de propostas culturais diversas e a música não podia ficar de fora. Apresentamos em seguida os filmes que se relacionam com a nossa forma de arte favorita e que simultaneamente merecem destaque. Por último, descobre também o concerto em homenagem a Paul Bowles e a conversa/recital com Stephen Kovacevich.

Barbara, de Matieu Amalric
Elenco: Jeanne Balibar, Mathieu Amalric

Uma actriz, Brigitte, irá interpretar num filme a icónica cantora Barbara. Brigitte trabalha a personagem de Barbara: a sua voz, as músicas e as canções, a imitação dos gestos, as falas. As coisas prosseguem. A personagem vai crescendo dentro dela. Começa mesmo a invadi-la. Yves, o realizador, também vai trabalhando – através de encontros, imagens de arquivo, a música. Parece inspirado por ela… Mas por quem? Pela actriz ou por Barbara?

21 NOV. 21H45 / Espaço Nimas
Conversa com Matieu Amalric
22 NOV. 21H30 / Cinemas NOS Amoreiras
Conversa com Matieu Amalric

How to Talk to Girls at Parties, de John Cameron Mitchell
Elenco: Alex Sharp, Elle Fanning, Nicole Kidman, Ruth Wilson, Matt Lucas, Stephen Campbell Moore

Enfeitiçados pelos Sex Pistols, todos os adolescentes desejam ser punks, incluindo o nosso desajeitado herói, Enn. Infiltrando-se na festa de Boadicea, uma rainha do punk, encontra o sonho de qualquer rapaz – belas estudantes estrangeiras. Quando conhece Zan é amor à primeira vista. Mas estes adolescentes são, na verdade, extraterrestres enviados à Terra para preparar um ritual de passagem. Quando o segredo é revelado, Enn pede ajuda a Boadicea e aos seus seguidores para salvar a rapariga que ama. Quando os punks enfrentam os extraterrestres, o universo de Enn e de Zan nunca mais será o mesmo.

20 NOV. 21H00 / Centro Cultural Olga Cadaval
21 NOV. 21H30 / Cinemas Medeia Monumental

A Pianista, de Michael Haneke
Elenco: Isabelle Huppert, Annie Girardot, Benoît Magimel

Erika é professora de piano no Conservatório de Viena. Com quarenta anos, para fugir ao domínio da mãe, frequenta cinemas pornográficos e peepshows. A sua sexualidade resume-se a um voyeurismo mórbido e a auto-mutilações masoquistas. Até que um
dos seus alunos decide seduzi-la.

17 NOV. 22H00 / Espaço Nimas
19 NOV. 21H30 / Centro Cultural Olga Cadaval

Souvenir, de Bavo Defurne
Elenco: Isabelle Huppert, Kévin Azaïs, Johan Leysen

Lillian, uma cantora do Festival da Eurovisão caída no esquecimento, trabalha numa fábrica. Aí, apaixonase por Jean, um pugilista amador de 18 anos, que a motiva a regressar aos palcos. Mas conseguirão derrotar os fantasmas do passado dela, como o seu antigo produtor e ex-marido, Tony Jones?

18 NOV. 18H15 / Espaço Nimas
Apresentado por Isabelle Huppert

Alive in France, de Abel Ferrara
Elenco: Abel Ferrara, Joe Delia, PJ Delia, Paul Hipp

Abel Ferrara apresenta uma retrospectiva de filmes e uma série de concertos em França durante um festival dedicado às canções e música dos seus filmes. Os preparativos com a sua família e amigos são o material deste auto-retrato, que revela uma outra faceta do realizador dos lendários Polícia sem Lei e O Rei de Nova Iorque.

25 NOV. 15H00 / Cinemas Medeia Monumental
Conversa com Abel Ferrara

Lou Reed’s Berlin, de Julian Schanel
Elenco: Lou Reed, Fernando Sauders, Sharon Jones, Antony Hegarty, Emmanuelle Seigner

Lou Reed e os seus fãs esperaram 33 anos por este momento: a interpretação de Berlin, o mítico álbum gravado em 1973, nos palcos de todo o mundo. Schnabel captou esse momento histórico ao longo de cinco noites, em Nova Iorque.

20 NOV. 21H00 / Centro Cultural Olga Cadaval
25 NOV. 19H45 / Cinemas Medeia Monumental
Apresentado por Adolfo Luxúria Canibal

C’est presque au bout du monde, de Mathieu Amalric
Elenco: Barbara Hannigan, Simon Rattle

Music is Music, de Mathieu Amalric
Elenco: Barbara Hannigan,

Zorn 2010-2017, de Mathieu Amalric
Elenco: John Zorn

Em foco estará, também, o realizador Mathieu Amalric com dois filmes musicais sobre a soprano e maestrina canadiana Barbara Hannigan e um sobre o músico nova-iorquino John Zorn, um dos expoentes máximos da música de vanguarda/jazz de Nova Iorque. Através de íntimos retratos de Barbara Hannigan e de John Zorn, Amalric busca a essência da música e como esta habita os que a expressam.

23 NOV. 21H30 / Cinemas Medeia Monumental
Com a presença de Mathieu Amalric

Alain Planès, L’infini Turbulent, de Dominique “Solrey” Lemonnier

Pianista virtuoso, fascinado tanto pelo repertório clássico como pelo contemporâneo, apaixonado pela pintura e pela poesia, Alain Planès é a figura central de L’Infini Turbulent, um filme escrito e realizado pela violinista e cineasta Dominique Lemonnier, conhecida como Solrey. Retrato íntimo e humanista de um artista versátil, L’Infini Turbulent revela as fontes de inspiração e os encontros determinantes de uma vida (Miró, Boulez, Pressler, Serkin…), que se tece igualmente pelos laços e correspondências que a música convoca nas diferentes disciplinas que fascinam Alain Planès. A projecção será seguida de um recital de Alain Planès, com um programa em espelho do filme, tão ecléctico como a sua personagem, que interpretará Stockhausen, Schubert e Chostakovitch.

24 NOV. 18H30 / Centro Cultural Olga Cadaval
Seguido de um recital de Alain Planès

Images d’Orient, de Gidon Kremer e Sandro Kancheli

Gidon Kremer, renomeado violinista e maestro clássico letão, tem sido sempre um artista atento ao seu tempo. Desta sua sintonia nasceu Images D’Orient, filme a exibir nesta sessão especial, seguido de um concerto com Kremer (que interpretará Preludes to a Lost Time de Mieczyslaw Weinberg). Projecto de Gidon Kremer e da Kremerata Baltica, inspirado pela obra de 1849 Pictures from the East de Robert Schumann (e incorporando também as Zodiac Melodies de Karlheinz Stockhausen), Images D’Orient é um statement sobre a questão dos refugiados, feito em colaboração com o escultor sírio Nizar Ali Badr, que conta histórias de sofrimento do seu povo através de espantosas esculturas de seixos, animadas por Sandro Kancheli.

22 NOV. 21H00 / Centro Cultural Olga Cadaval
Seguido de um concerto com Gidon Kremer

Paul Bowles: A Musical Portrait
(Concerto)

Escritor, tradutor, figura inspiradora da “beat generation”, fundador do que hoje se chama a “world music” com as suas recolhas de música tradicional marroquina, Paul Bowles deixou um significativo legado como músico, cerca de 150 composições maioritariamente escritas antes da residência em Marrocos e de certa forma ofuscadas pela sua posterior produção literária. Este programa recentra a música na arte de Bowles, que a via como uma outra forma de narração. A pianista Irene Herrmann, herdeira do seu legado musical, a soprano Carole Blankenship e o barítono Mário Redondo interpretarão algumas dessas peças musicais, enquadradas pela leitura de poemas de Bowles.

19 NOV. 17H30 / Palácio Nacional de Sintra

Numa outra sessão especial, serão exibidos os filmes Paul Bowles: The Cage Door is Always Open, de Daniel Young e The Pleasant Feeling of Being in a More Innocent Age: Paul Bowles’s Impressions on Portugal, de Pedro Cruz e Hermínia Sol.

20 NOV. 16H15 / Cinemas Medeia Monumental

Stephen Kovacevich, conversa seguida de recital

Sessão especial constituída por uma conversa seguida de recital com um dos mais reputados pianistas e maestros mundiais. Nascido em Los Angeles, Kovacevich estreia-se em São Francisco aos 11 anos e aos 18 muda-se para Inglaterra para estudar com Myra Hess. Após uma sensacional estreia europeia em Londres, enceta uma longa e distinta carreira internacional como solista, tocando com as mais prestigiadas orquestras e maestros e sendo particularmente reconhecido pelas interpretações das obras de Beethoven, Brahms, Mozart e Schubert. Como músico de câmara colaborou com artistas como Jacqueline du Pré e Martha Argerich. Intérprete destemido, ousa assumir riscos, técnicos e musicais, para atingir o máximo de impacto expressivo.

20 NOV. 21H30 / Palácio Nacional de Queluz

~

Para mais informações consulta www.leffest.com.

Ficha técnica

17/11/2017 António Mauricio

Array
(
    [post_type] => Array
        (
            [0] => hot_gear
            [1] => breve
            [2] => featured
        )

    [posts_per_page] => 3
    [post__not_in] => Array
        (
            [0] => 72816
        )

    [orderby] => rand
    [tag__in] => Array
        (
            [0] => 19012 
            [1] => 19011 
        )

)
  IR PARA O TOPO